Devocional

Vencendo os processos de morte

“SENHOR, meu Deus, clamei a ti por socorro, e tu me saraste. SENHOR, da cova fizeste subir a minha alma; preservaste-me a vida para que não descesse à sepultura. Salmodiai ao SENHOR, vós que sois seus santos, e dai graças ao seu santo nome. Porque não passa de um momento a sua ira; o seu favor dura a vida inteira. Ao anoitecer, pode vir o choro, mas a alegria vem pela manhã” (Salmo 30)

Algumas vezes precisamos de um socorro sobre humano. Precisamos do socorro movido pela fé. Principalmente nos momentos em que não enxergamos futuro. O salmista Davi está se sentindo como quem desce à sepultura. Aos seus olhos, não existe motivo para acreditar que pode continuar vivendo. É precisamente nesse momento de desânimo, que Davi percebe a dádiva do recomeço, e diz: “Ao anoitecer, pode vir o choro, mas a alegria vem pela manhã”. O recomeço para quem chegou ao limite da desesperança, vem da fé, é  dom de Deus. Ele deseja que continuemos, todas as vezes que pensarmos em desistir. Deus quer nos livrar nos processos de morte da alma. Eu quero orar com você: “Pai, queremos interceder por todos aqueles que precisam de socorro. Fortalece a alma do que está abatido, desanimado. Enche-nos da convicção de que podemos recomeçar. Em tempos de processos de morte, tu és a presença da possibilidade da vida. Visita-nos com a tua vida abundante. Para nosso bem e tua glória. Amém!

Flávio Leite

REFLEXÕES AUTORAIS SOBRE HUMANIDADE Palestrante, educador e estudioso da filosofia e do comportamento humano 👇🏽Leia a crônica da semana www.flavioleite.com

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *