a-imagem-de-deus-em-nós-flávio-leite-devocional
Devocional

A imagem de Deus em nós

“Pai, não peço que os tires do mundo, e sim que os guardes do mal. Eles não são do mundo, como também eu não sou. Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade. Assim como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo” (João 17)

Que queiramos admitir, ou não, a vida é uma missão. Precisamos encarar a vida considerando a possibilidade da existência de propósitos. O apóstolo Paulo, falando sobre essa questão com seu discípulo Timóteo, usa a metáfora de um soldado no meio de uma batalha. Diz que fomos arregimentados por Deus e o nosso propósito maior deve ser satisfazê-lo. Essa nossa missão e propósito na vida, trará obstáculos, dificuldades, desafios. Mateus, o evangelista, registra uma ilustração feita por Jesus. Fala desse nosso envio para a missão e propósito na vida. Disse Jesus: “Eis que vos envio como ovelhas para o meio de lobos; portanto, sede prudentes como as serpentes e símplices como as pombas”. E, nessa metáfora, aprendemos que deveremos ter, pelo menos, dois cuidados quando surgirem as dificuldades: Primeiro, lembrarmos sempre de que somos ovelhas e não lobos. Não nos transformarmos em lobos. Segundo, não nos deixarmos ser devorados pelos lobos. Sempre quando formos surpreendidos pelos desafios na caminhada da vida, precisaremos permanecer conscientes de quem somos de que fomos feitos e arregimentados por Deus para uma obra. Cumprirmos o propósito para o qual fomos chamados, como disse o apóstolo Paulo na sua carta aos Efésios, no capítulo 2: “Pois somos feitura de Deus, criados em Cristo Jesus para boas obras, as quais Ele, de antemão preparou para que andássemos nelas”. O texto que lemos é uma das últimas orações de Jesus. Ele pede ao Pai que nos guarde enquanto estivermos na missão da vida. Que continuemos a ser homens e mulheres com uma cultura à imagem e semelhança de Deus. Que continuemos a ser pessoas espirituais. Que não sejamos transformados pela cultura de um mundo deformado, desumano, desfigurado da imagem de Deus. O texto, diz: “Pai, não peço que os tires do mundo, e sim que os guardes do mal. Eles não são do mundo, como também eu não sou. Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade. Assim como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo”. Ore comigo: “Pai, temos uma grande dificuldade diante de nós. Nos sentimos como ovelhas no meio de lobos. Estamos passando por um momento de muitas deformações nos nossos pensamentos. Livra-nos do mal, de tudo aquilo que traz perturbação ao nosso espírito. Cuida do nosso pensamento para que não sejamos deformados na alma. Queremos continuar sendo homens e mulheres que refletem a tua imagem e semelhança. Para nossa edificação e tua glória. Amém!”

Flávio Leite

REFLEXÕES AUTORAIS SOBRE HUMANIDADE Palestrante, educador e estudioso da filosofia e do comportamento humano 👇🏽Leia a crônica da semana www.flavioleite.com

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *