Devocional

A cultura da verdade

“Também ouvistes que foi dito aos antigos: Não jurarás falso, mas cumprirás rigorosamente para com o Senhor os teus juramentos. Eu, porém, vos digo: de modo algum jureis; nem pelo céu, por ser o trono de Deus; nem pela terra, por ser estrado do seus pés; nem por Jerusalém, por ser cidade do grande Rei; nem jures pela tua cabeça, porque não podes tornar um cabelo branco ou preto. Seja, porém, a tua palavra: Sim, sim; não, não. O que disto passar vem do maligno” (Mateus 5)

Esse texto que lemos é uma advertência para não manipularmos as palavras, pois esse é o caminho da mentira. Precisamos do cuidado para não confundirmos a verdade. A narrativa orienta para que nossa palavra seja: Sim, sim; não, não. Sabemos que estamos na era das fake news, notícias falsas. Muitos estão se promovendo através da mentira. Precisamos diligentemente nos comprometermos com a verdade. É em meio as meias-palavras que produzimos o engano. Isso traz males destruidores, como por exemplo: Calúnias, perseguições, injustiças. Sempre quando a bíblia fala de mentiras, relaciona à promoção do ódio, intriga, e morte. Precisamos promover vida e não morte. No Livro dos Provérbios, capítulo 6, diz que é por isso que Deus aborrece lábios mentirosos. Eu quero orar com você: “Pai, ajuda-nos a vencermos a cultura da manipulação das palavras. Queremos orar como no salmo 120, que diz: SENHOR, livra-nos dos lábios mentirosos, da língua enganadora. Para nossa edificação espiritual e tua glória. Amém!

Flávio Leite

REFLEXÕES AUTORAIS SOBRE HUMANIDADE Palestrante, educador e estudioso da filosofia e do comportamento humano 👇🏽Leia a crônica da semana www.flavioleite.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *